sábado, outubro 31

Senador preso com dinheiro na cueca tinha “união estável” com Bolsonaro

Na última quarta-feira, 14 de outubro, o senador Chico Rodrigues foi alvo de operação da polícia federal na qual foram apreendidos cerca de 30 mil reais em dinheiro guardado na cueca do próprio senador.

Os policiais responsáveis pela operação desconfiaram ao notar o grande volume existente na cueca do senador e pedirem para fazer uma revista devidamente registrada em vídeo para que não pudessem ser feitas acusações de abuso de poder.

O senador, além de líder do governo Bolsonaro no senado, já havia sido mencionado pelo presidente Jair Messias Bolsonaro como tendo uma “união estável” com ele, em um vídeo antigo que viralizou nas redes sociais devido a apreensão inusitada.

O ocorrido obviamente traz problemas para o governo, já que dias antes o presidente Jair Bolsonaro havia afirmado que a operação Lava-Jato havia chegado ao fim pois no seu governo não havia corrupção.

O senador se encontra no momento afastado pelo ministro do supremo Luis Barroso.

No senado a decisão de afastamento caiu como uma bomba e foi duramente criticada como “usurpação de poder” por parte do Supremo Tribunal Federal, uma vez que a competência para afastamento de um Senador cabe ao próprio Senado.

Mais informações sobre o caso podem ser lidas no site do G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *